Links Especiais:

Oriente: Amankora Resorts, Butão

  • Publicado domingo, 27 de outubro de 2013

Amankora Resorts, complexo hoteleiro, Butão

Localizado entre a Índia e o planalto tibetano ao sul da China, o Butão é um dos únicos reinos budistas da região do Himalaia que mantém seus ambientes mais remotos ainda preservados, com deslumbrantes paisagens de montanhas e florestas intocadas.

A partir dos picos de cerca de 7.000 metros de altitude ao norte nascem rios que se estendem até as planícies baixas ao sul do país, que cortam a topografia em vales profundos e pitorescos, um verdadeiro deleite para os olhos.

O Butão é um país diferente de qualquer outro, extremamente fiel às suas tradições. Apenas na década de 70 é que seu reino abriu suas fronteiras e passou a receber turistas e visitantes, que buscam uma experiência espiritual diferenciada, uma viagem única e maravilhosa, tendo como referência, a oeste, toda a imponência desafiadora da Cordilheira do Himalaia.

Para desfrutar de todo este cenário de paz e tranqüilidade máxima, a Aman Resorts oferece um complexo de cinco hotéis, distribuídos entre os vales centrais e ocidentais do país: Paro, Thimphu (capital do Butão), Punakha, Gangtey e Bumthang. Da combinação da palavra ‘paz’ em sânscrito com ‘peregrinação circular’ em Dzongkha, no idioma oficial do Butão, nasceu o nome Amankora, que batiza o complexo de resorts.

É possível hospedar-se em apenas um dos hotéis, ou planejar uma viagem mais exploratória, que inclui passeios pela região e atividades ao ar livre.

Em Paro, o Amankora Resort está localizado em meio a uma floresta de pinheiros e coníferas, uma área verde inspiradora aos que buscam a meditação e a paz interior. Em Thimphu, o hotel está situado em uma área mais retirada do centro, mas a poucos quilômetros das facilidades da capital, como lojas tradicionais e maior contato com a população local. É em Thimphu que está localizada a residência do rei Jigme Khesar Namgyel Wangchuck, que com apenas 31 anos é considerado o chefe de estado mais jovem do mundo.

Punakha, a antiga capital do Butão, é onde está localizado o Punakha Dzong, ou “o palácio da máxima felicidade”, uma majestosa construção que abriga o centro administrativo do distrito, e que conta ao fundo com uma verdejante floresta de jacarandás, que cobre todo o vale Dochu La Pass.

Localizado no deserto remoto do vale Phobjikha, o Amankora Gangtey oferece paisagens mágicas, como o Gangtey Goemba, um monastério datado do século XVI, ponto de visitação obrigatório aos que buscam a elevação espiritual.

A última parte desta jornada, o resort Amankora Bumthang, está localizado próximo ao palácio Wangdichholing, na cidade de Jakar, em uma região conhecida por seus pinheiros sinuosos, seus pomares de maçã e por suas fazendas com criação de búfalos.

O visual aconchegante dos hotéis do complexo Amankora oferece o contraste entre o design rústico da arquitetura típica do Butão, com seus telhados levemente inclinados, e a modernidade de seus interiores, exaltando a tradição e o artesanato locais.

Um pavilhão com pé direito duplo, totalmente construído com pedras, abriga áreas comuns como os restaurantes, a biblioteca e o generoso terraço, onde é possível aquecer-se nas lareiras externas, realizar refeições ao ar livre e admirar as peculiaridades das florestas e vales de cada região.

Todas as unidades contam com um relaxante spa, com sauna úmida, salas privativas para massagens e tratamentos com pedras quentes, além de espaços especiais para a prática de yoga e meditação.

Com poucas acomodações por localidade, os hotéis Amankora contam com suítes totalmente revestidas em madeira, camas king-size, poltronas para leitura e amplos toaletes com banheira e terraço. Durante os meses mais frios, as suítes contam com um sistema de aquecimento individual, de forma a oferecer máximo conforto aos hóspedes.

Aos que se destinam ao Butão a turismo, para explorar as belezas naturais de seus cinco vales e montanhas cobertas por indescritíveis florestas, o hotel recomenda uma estada de ao menos 11 dias, que inclui visitas a santuários de vida selvagem (como o Black Mountains National Park), palácios, monastérios, museus históricos e templos budistas. Em Bumthang, a jornada promete agradar aos amantes da boa gastronomia, que visitarão desde os mercados públicos, até as pequenas villas produtoras de manteiga, queijo Emmenthal e Gouda, mel e uma variedade de aguardentes de frutos locais. Os campos de milho, trigo, batata e os pomares de maçã também estão entre os destinos.

As excursões são, em sua maioria, realizadas através de trilhas a pé, para que se possa contemplar ao máximo as deslumbrantes paisagens naturais.

As enriquecedoras peregrinações espirituais também atraem turistas de todas as partes do mundo, especialmente para os budistas, que seguem em busca de luz e bênçãos por acreditar que o Butão é o país mais feliz do mundo. A atmosfera de paz propicia a meditação, a reflexão e a renovação da energia vital.

Entre outras atividades ao ar livre também estão o arco e flecha, a pesca de trutas nos límpidos rios do Butão, o golfe e o rafting. É importante observar com antecedência a disponibilidade de cada recreação, de acordo com o clima e a época do ano.

Para os visitantes que se hospedam por sete dias ou mais, o complexo Amankora oferece um serviço impecável de concièrge com o intuito de planejar um itinerário sob medida, que inclui todas as refeições e bebidas nos hotéis, serviços de lavanderia e transporte particular com motorista e guia – uma experiência realmente inesquecível.

Localização: Distritos de Paro, Thimphu, Punakha, Gangtey e Bumthang – Butão

Coordenadas: 27°28’00”N 89°38’30”E

Telefone: +(975) 8 272-333

Faz reservas online, através do site: www.amanresorts.com

Aceita todos os cartões de crédito

Preço: diárias a partir de US$ 1.300 (acomodação tipo Suite Single Occupancy)

Redação Blog do Luxo – Todos os direitos reservados www.blogdoluxo.com

Fotos: Divulgação Amanresorts