Links Especiais:

Vinho do Porto Dow’s Vintage 2007

  • Publicado domingo, 3 de julho de 2011

Fundada em 1798, a Dow’s foi a primeira empresa britânica a produzir vinhos do Porto e a investir em vinhas de excepcional qualidade, especialmente após a aquisição da Quinta da Senhora da Ribeira em 1890, e da Quinta do Bonfim em 1896. As magníficas condições destas propriedades foram fundamentais para a construção da reputação extraordinária que sempre envolveu o nome da Dow’s.

Atualmente, a Dow’s pertence aos descendentes de Andrew James Symington, que comprou a empresa em 1912 e a tornou um negócio familiar, tendo seus seis filhos administrando pessoalmente todos os aspectos da fabricação dos vinhos do Porto, desde o acompanhamento dos vinhedos à vinificação, e até ao engarrafamento final dos vinhos.

Embora a maioria dos vinhos do Porto seja produzida através de métodos modernos, que utilizam tecnologias avançadas para a vinificação, uma pequena parte continua a ser produzida pelo tradicional procedimento de pisar as uvas com os pés. Seja qual for o sistema, a fermentação deste tipo de vinho é relativamente lenta, levando de dois a três dias, o que torna os vinhos do Porto fortificados.

A fortificação envolve a adição de uma espécie de aguardente natural ao mosto fermentado, que interrompe intencionalmente o processo de fermentação em um determinado ponto, onde cerca da metade do açúcar natural das uvas já tenha sido convertido em álcool. Este processo é responsável por um Porto encorpado e voluptuoso, contribuindo também para que os vinhos tenham um excelente potencial de envelhecimento. Como o ciclo de fermentação é curto, é preciso aproveitar ao máximo este período para se extrair todo o sabor, a cor e os taninos da casca das uvas.

Os vinhos do Porto da série Vintage da Dow’s são produzidos apenas em anos em que as safras obtiveram uvas de qualidade excepcional e acabam por representar uma pequena parte da produção total, o que os torna raros e exclusivos. Em média, apenas duas ou três vezes em cada década se reúnem condições climáticas suficientemente boas para permitir a produção de um Porto Vintage nas vinícolas Dow’s.

Ao longo dos séculos XIX e XX, os vinhos do Porto Vintage da Dow’s se tornaram referência em praticamente todas as boas safras, definindo exigentes padrões que serviram como base para elevar a qualidade dos vinhos do Porto entre os demais vinicultores. Os notáveis Porto Vintage dos anos de 1896, 1927, 1945, 1955, 1963, 1966, 1970, 1980 e 1994 são verdadeiras lendas na história da Dow’s, vinhos que preservam suas preciosas características até os dias de hoje, mesmo após 50 ou mais de 100 anos de armazenamento. São raros os vinhos que se podem orgulhar desta qualidade e linhagem. Esta conquista se deve, principalmente, aos enólogos da Dow’s, que desenvolveram um estilo próprio de fermentação longa, que faz com que o vinho do Porto seja mais seco, podendo ser apreciados quando vibrante e jovem, ou após o envelhecimento in-bottle, evoluindo para um vinho suave e delicado, de uma elegância aveludada.

O mais recente integrante da linha Vintage da Dow’s é o vinho do Porto safra 2007, um vinho jovem, complexo e intensamente concentrado. A elevada percentagem de uvas Touriga Franca e Touriga Nacional oferecem uma estrutura poderosa e de grande potencial de envelhecimento ao Porto Vintage 2007. Estes vinhos são envelhecidos em barris de carvalho por aproximadamente 18 meses e são engarrafados sem qualquer tipo de filtragem.

À primeira vista, o Porto Vintage 2007 se apresenta com um hipnotizante tom negro-púrpura que expressa seu caráter intenso.

Ao olfato, os intensos e poderosos aromas afloram notas concentradas de violetas quando ainda jovem, evoluindo para canela e rosa-chá à medida que envelhece. É possível distinguir acordes de ameixas e cassis, além de leves toques de carvalho tostado e, em alguns casos, menta.

Ao paladar, o sabor dos abundantes frutos silvestres revela a elegância das amoras maduras e o porte gourmand do anis e de especiarias, que conferem profundidade e boa estrutura. A boa quantidade de taninos e um toque seco e apimentado marcam o encerramento do Porto Vintage 2007, marcando seu potencial e complexidade até o último e duradouro momento.

Por sua intensidade e exclusividade, o Porto Vintage 2007 é um magnífico vinho do Porto, que conquistou a pontuação máxima na avaliação pela Wine Spectator.

Preço: US$ 330, garrafa standard, 750 ml (sem impostos e frete)

Para maiores informações, visite o site: www.dows-port.com

Redação Blog do Luxo – Todos os direitos reservados www.blogdoluxo.com